Blog

Marisa Martin / Blog  / Bodas, uma promessa de união

Bodas, uma promessa de união

Na grande maioria das vezes quando ouvimos a notícia de que alguém está celebrando bodas, logo externamos admiração pelo casal que conquistou tantos anos de uma vida a dois, especialmente nos dias de hoje; e por mais que soe démodé, nos sensibilizamos ao participar de uma cerimônia de bodas de prata (25 anos), nos emocionamos profundamente em uma bodas de ouro (50 anos) e não temos palavras para descrever todo o sentimento que envolve a família, ou melhor dizendo, a união de várias gerações que aquela família criou, ao assistirmos uma bodas de diamante (60 anos).

Na verdade, creditamos as bodas apenas como o aniversário da união, mas de fato as bodas se referem ao primeiro momento da união, ao momento em que duas pessoas pronunciam seus votos matrimoniais, o que pode ser melhor entendido etimologicamente já que a palavra “boda” se originou do latim “vota” e significa “promessa”. A celebração do aniversário da boda surgiu na Alemanha por um costume de presentear os casais que completavam 25 anos com uma coroa de prata e àqueles que completassem 50 anos, com uma coroa de ouro. Com o tempo, criou-se um nome para cada aniversário de boda sendo representado iniciando pelo material mais leve, como nos primeiros anos, com bodas de papel, de algodão, de trigo, até chegar nos materiais mais duradouros e preciosos, como diamante, platina ou brilhante.

Contudo, as tradições e os costumes vão se modificando ao longo do tempo, os noivos se casam com mais idade do que no passado, as uniões nem sempre seguem um costume tradicional e chega-se a dizer inclusive que o mês das noivas, Maio, está aos poucos dando vez ao mês de Dezembro. Enfim, mesmo com novas tendências como mini wedding, destination wedding, casais que apenas mudam para a mesma casa, ou mesmo casais que se casam, mas continuam em casas separadas, o que importa de fato é a “escolha”! A decisão de tomar um passo em compartilhar sua vida, seu dia-a-dia e sua família com alguém que de alguma forma traz a certeza de que tudo é incerto e pode mudar, exceto a escolha de “ser” com essa pessoa.  E esse momento é único e deve ser celebrado com todos os detalhes que caracterizem a união que pode ser clássica ou moderna, mas que merecem ser exclusivos para contar a história da maneira personalizada como se formou.

Nenhum comentário
Faça um comentário

Atendimento via WhatsApp