Blog

Marisa Martin / Blog  / Cartão social Marisa Martin

Cartão social Marisa Martin

O cartão social não sai de moda e vai bem para diversas ocasiões, o ano todo. Sofisticado, elegante, estiloso e – por que não – amigável – nele o papel, o visual e a letra se combinam, harmoniosamente, carregando o nome de quem o entrega, com objetivos como enviar mensagens pessoais, agradecer, convidar e felicitar.

Geralmente, usa-se uma fonte script, com serifa ou de bastão, o que vai depender em parte do desejo e do estilo do cliente. Pode, também, ser produzido com a letra da própria pessoa que o entrega, digitalizada e graficamente impressa no cartão. De todas as maneiras, esses cartões demonstram personalidade, capricho e uma atenção especial de quem o oferece com quem o recebe.

Os cartões sociais Marisa Martin, além de personalizados, buscam novas formas, cores e oferecem algo um pouco mais ousado: são contemporâneos, atualizando uma forma tradicional.

Sim, porque esses cartões eram usados antigamente pelas famílias tradicionais, como forma de valorizar o nome e sobrenome. E ainda é motivo para muitas famílias fazerem esses cartões também às suas crianças. Nas tradicionais casas de convite de São Paulo isso é bem comum. Não é um item exatamente barato, mas já está se tornado mais acessível.

No final do ano passado, fiz um cartão social para minha filha, Manuela, com mensagens pessoais de Feliz Natal e Ano Novo aos colegas e professores da escola. Nesse cartão, o desenho da frente foi feito por ela, valorizando a capacidade intelectual e artística da criança, além do carinho a cada um que o recebeu, ainda mais porque ela desenhou e escreveu seu nome no interior do cartão.

Foi muito interessante compor o cartão social com o desenho feito por uma criança.  Afinal, esse tipo de cartão é bem pessoal, então, nada mais coerente que a valorização da criança em um item pessoal e fino, que muitas vezes está destinado a adultos.

O tamanho, o formato, o papel, as cores ou estampas podem variar bastante. E o envelope pode também ter um forro (de seda, colorplus, liso ou estampado), o que agrega valor ao cartão social.

De maneira geral, os adultos gostam de algo mais clean, somente o nome em serigrafia, timbrado, hot stamp ou metalik (tipo de impressão que valoriza detalhes e produz um efeito metalizado). Esses modelos mais tradicionais são deliciosos de fazer. Além disso, tenho feito cartões sociais com aplicações de pérola e de cristais, como na imagem abaixo.

E aí, ficou interessado em fazer seu cartão social Marisa Martin? Contate-nos para outras informações!

Nenhum comentário
Faça um comentário

Atendimento via WhatsApp